Poupar Dinheiro Reginaldo de Souza

Adquira o hábito de poupar

Em 2014 meu principal objetivo foi adquirir o hábito de poupar e evitar todo aquele descontrole financeiro que adquiri nos anos anteriores. Uma  maneira que encontrei para fazer isso foi seguir algumas dicas para um planejamento financeiro.

Evite pagar multas e juros

Muitas pessoas acabam pagando multas e juros em suas contas fixas do mês, como aluguel,condomínio, luz e água porque a data do vencimento passou. E nem sempre isso acontece por falta de dinheiro. Muitas vezes é apenas por esquecimento. Eu tenho utilizado o débito automático, dessa forma tenho tempo para pensar em coisas mais interessantes e importantes. só não é bom esquecer de deixar o saldo disponível na conta.

Evite o descontrole financeiro

Os grandes vilões do controle das finanças são o cheque especial e o cartão de crédito. Evite deixar sua conta no vermelho ou diversos parcelamentos no cartão de crédito. Depois de pagar a primeira prestação de uma compra, não raro esquecemos que ainda há outra, e mais outra, e mais outra para quitar. É fácil acumular vários parcelamentos e, no fim, acabar sem dinheiro do mesmo jeito. O ideal é sempre priorizar o pagamento à vista. Dessa forma você pode até mesmo conseguir algum desconto em suas compras. Nem preciso dizer que eu aboli temporariamente a utilização do cartão de crédito. Prefiro juntar o dinheiro e comprar depois (às vezes até deixo de comprar, pois reflito e percebo que não precisava tanto assim daquele produto).

Pesquisar antes de comprar

Quando quiser ou precisar comprar algum produto, não tenha preguiça ou vergonha de pesquisar o preço em diversos locais. Ou de estudar as vantagens de uma marca diferente. Ou de pedir desconto para o pagamento do produto à vista. Dá um trabalhão ganhar dinheiro, por isso não é bom desperdiçá-lo.

Adquira o hábito de poupar

Crie um fundo de emergência

O brasileiro ainda não sabe poupar e precisa criar este hábito.  Não só para si, mas também para seus filhos, como um exemplo para sua família.

Você deve pensar em fazer um fundo de emergência antes mesmo de planejar a compra de um carro novo, de um imóvel ou qualquer coisa. O ideal é que essa sua poupança seja equivalente ao valor dos seus gastos mensais – ou do seu salário – de três a seis meses. É esse dinheiro que ira tirá-lo de alguma enrascada se você perder seu emprego. Aplique seu dinheiro em investimentos de baixo risco e que sejam muito fáceis de resgatar. Tudo isso para que você possa dispor do dinheiro tão logo ele se mostre necessário.

Aqui eu sugiro a leitura dos artigos “Falar sobre dinheiro com seu filhos” e “ Investir no Tesouro Direto é uma boa.”

Nada de deixar para amanhã

Muitas pessoa recebem o salário no início do mês e deixam para poupar o que sobra no final, quando as contas já tiverem sido pagas. quando temos dinheiro na conta ou no bolso, fica muito mais fácil e tentador gastá-lo com qualquer coisa. Poupança se faz com disciplina e a melhor maneira de conquista-la é guardar dinheiro tão logo ele apareça. Nesse caso, já reserve um valor para poupar antes de começar a gastá-lo.

Monte um orçamento

Adote este princípio para em suas finanças. Fazer um orçamento não é simplesmente anotar o que se gastou. É preciso determinar o volume de renda que alguém terá em um determinado período, quais serão os gastos, em que pé estarão as dívidas e quanto será possível investir.

Com esses itens organizados, fica muito mais fácil cumprir os objetivos que você estabelecer para si mesmo.

Se você está completamente quebrado, devendo para o cheque especial, cartão de crédito, para os bancos, ou para quer que seja comece poupando R$ 1,00 (um real) no primeiro mês. Depois, dobre o desafio: poupe R$ 2,00. No terceiro mês, mais um desafio: R$ 4,00.

Leia o artigo “O que é um orçamento“.

O importante é adquirir o hábito.

Assim como existem pessoas que tomam banho diariamente e escovam os dentes após as refeições, poupar pode se tornar um hábito.

coloque tudo em prática, se você não tirar suas ideias do papel seus sonhos não serão realizados e seus objetivos nunca serão alcançados.

Para mim,  planejar-se  financeiramente é o mesmo que conquistar liberdade para fazer as coisas que você quiser, quando as oportunidades aparecerem.

Se você está endividado (a), clique aqui e aproveite para baixar o e-book com 10 Dicas Estratégicas de Kim e Robert Kyosaki para uma Vida Livre das Dívidas. É GRÁTIS!

Aproveite e sucesso!

Sobre o autor | Website

Meu nome é Reginaldo de Souza e sou o autor e fundador do Escolhas Financeiras. Sou Contador e apaixonado por Finanças Pessoais, Investimentos e Marketing Digital.

Assista principalmente se você ganha pouco, está endividado ou não faz investimentos financeiros.!

100% livre de spam.