Seja VIP!!!

Mais de 20.000 leitores inteligentes recebem informações valiosas sobre como poupar, investir e ganhar dinheiro — e você é inteligente também!

Cadastre-se para receber nossas atualizações e novidades!

Investir Dinheiro Reginaldo de Souza

Como investir em LCI (Letra de Crédito Imobiliário)

Atualmente vivemos em um mundo econômico cada vez mais complexo e imprevisível. Neste cenário é importante conhecer o maior número possível de opções de investimento para que possamos maximizar a rentabilidade de nosso dinheiro. Veja como investir em LCI (Letra de Crédito Imobiliário).

 

Como investir em LCI (Letra de Crédito Imobiliário)

As LCIs são papéis ” lastreados por créditos imobiliários garantidos por hipoteca ou por alienação fiduciária de coisa imóvel”, ou seja:

– Nesta operação, a instituição financeira (que neste caso é o intermediário) usa o dinheiro captado pelas LCIs (o seu dinheiro investido) para montar uma carteira de credito imobiliário e então realizar algum tipo de financiamento habitacional.

– Os lucros deste financiamento são então “repassados” a você através de algum índice (como por exemplo, através de um percentual do CDI). E neste percentual, claro, já está inclusa a “comissão” da instituição financeira pela transação.

Como investir em LCI

A grande vantagem das LCIs é que elas são isentas do Imposto de Renda, da mesma maneira que a poupança. E além disso, são garantidas pelo FGC (Fundo Garantidor do Crédito) até a quantia de R$ 250.000 (por instituição e por CPF).

Dentre as desvantagens podemos citar a liquidez não tão alta (os prazos para resgate podem ir de 2 meses a 2 anos) e os valores mínimos para investir (isso depende muito da instituição financeira, mas os valores mínimos podem começar em R$ 30.000).

E, apesar de ser considerado um investimento conservador, precisamos sempre considerar os riscos associados a esta operação: o principal é o risco da instituição financeira não conseguir honrar com os pagamentos acordados na LCI, seja por falência ou por problemas relacionados à carteira de crédito. Por isso, escolha sempre uma instituição financeira sólida!

Observações:
– As informações aqui apresentadas não caracterizam recomendações de investimento;
– As decisões de investimento são de responsabilidade total e irrestrita do leitor. O site não pode ser responsabilizado por prejuízos oriundos de decisões tomadas com base nas informações aqui apresentadas.

Veja também:

Sobre o autor | Website

Meu nome é Reginaldo de Souza e sou o autor e fundador do Escolhas Financeiras. Sou Contador e apaixonado por Finanças Pessoais, Investimentos e Marketing Digital.

Gostou do artigo?

Entre para nossa lista e receba com prioridade nossas dicas e conteúdos!

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.